Acidente da Av. da Liberdade e a sua cobertura mediática

Acidente na Av. da LiberdadeCertamente já ouviram a notícia do acidente na Av. da Liberdade com um A4 e um Série 7.

O meu problema não é com o acidente em si, acidentes acontecem a todos, o meu problema é com os constantes atropelos ao código da estrada por estas viaturas a serviço do estado e o uso de “paninhos quentes” para desculpar as suas acções quando são apanhados ou a coisa corre mal.

Certamente se fosse eu a ter um acidente deste género seria imediatamente retratado pelos media como um criminoso que circulava em excesso de velocidade e tinha posto em perigo a vida de vários cidadãos. Como se tratam de nomes sonantes preocuparam-se mais em saber o seu estado de saúde. Tudo bem, mas esqueceram-se dos seguintes pontos:

– Afinal como ocorreu o acidente? Foi mesmo em cruzamento e se foi quem não circulou correctamente, a viatura que seguia em marcha de emergência (A4) ou a outra viatura (7er).

– Porque seguia a viatura em marcha de emergência? O local da tomada de posse dos governadores civis estava a arder ou a ser alvo de um ataque terrorista ou simplesmente iam atrasados?

– Porque é que quem circula nos bancos de trás destas viaturas raramente usa o cinto de segurança? Será que são imunes a acidentes? E porque é que eu sou multado se não usar o cinto de segurança atrás?

– Porque é que as autoridades afirmam que devido ao ABS das viaturas não existem marcas de travagem logo não podem apurar a velocidade das viaturas? Então o ponto de impacto e a distancia percorrida após impacto de ambas as viaturas não serve? Um familiar meu teve um acidente recentemente e serviu, até foram os agentes da PSP a tirar medidas, os carros também tinham ABS.

– Porque é que os jornalistas não tentaram investigar mais sobre a versão que indicava que ambas as viaturas seguiam no mesmo sentido, mas uma delas parou na passadeira sofrendo depois o impacto traseiro?

– Porque é que os jornalistas não falaram na possibilidade de terem atropelado vários cidadãos que circulavam calmamente nos passeios da Av. da Liberdade? Afinal um dos carros andou por lá descontrolado.

Situações destas vão continuar a acontecer, no entanto que moral tem um governo, seja qual for a cor, de colocar regras e exigências aos cidadãos de um país quando eles são os primeiros a dar o mau exemplo e a passarem por cima das leis que criaram com total impunidade e satisfação.

Abastecimento de combustívelConduzir a enviar SMSFifth Gear

Comentários a “Acidente da Av. da Liberdade e a sua cobertura mediática”

Daniel comentou:
29/11/2009 03:21

A reportagem que eu vi na SIC inclui a nota sobre o abuso dessas “marchas de emergência”, e que só deviam ser usadas em ambulâncias ou viaturas em situação similar.
Falaram mesmo em colocar tacógrafos nas viaturas oficiais o que impediria de todo esses abusos…

Elias comentou:
29/11/2009 14:10

Pelo que me apercebi eles estavam a voltar da tomada de posse, o que é mais grave.

Simon Says comentou:
29/11/2009 17:12

Eu pensei exactamente o mesmo.

Da próxima vez que eu vir um político a andar sem cinto digo simplesmente: ponha o cinto se faz favor, porque se eu não usar sou multado!

João Manuel comentou:
29/11/2009 19:32

…nem mais!! concordo a 100%
Pena é que resultante deste acidente não haja um unico jornalista com “tomates” (perdoem-me a expressão…) que questione estes pontos!!!
-Claramente pelo estado das viaturas iam em escesso de velocidade!
-Claramente que sendo eles os primeiros a dar o exemplo, deeriam ser os primeiros a pôr os cintos de segurança!
-Claramente que sendo ambas todos os veiculos envolvidos viaturas do estado, logo sem qualquer tipo de seguro (esta ainda não entendi…), quem ira pagar os danos das mesmas? …eu pobre contribuinte o serei certamente!!!
-Claramente que com todos estes tipos de atropelos estes senhores deveriam pedir a sua demissão por tão vergonhosamente pôr as leis e regras de lado para sua própria conveniencia, uso e abuso…
Agora digo eu… qual o jornalista ou jornal que tem a coragem de se insurgir com esta situação e vir a publico com estas perguntas…?
Fica aqui lançado o desafio!

Karl comentou:
30/11/2009 17:49

Concordo com tudo o que já foi dito, e sendo eu Instrutor de Condução, digo ainda mais, a “provar-se” o excesso de velocidade, o desrespeito pelo n.º1 do artigo 82º do Código da estrada relativo à obrigatoriedade do uso de segurança por todos os ocupantes do veículo e ainda o abuso da “marcha de urgência” que permite o desrespeito de algumas regras do Código da Estrada, mas que, em situação alguma permite que se coloquem outros utentes da via em risco ao desrespeitar essas regras, deveriam os infractores ser punidos em toda a extensão da lei! E não falo dos condutores, falo de quem lhes pede que andem em “marcha de urgência”!!!
Como disse um dos leitores deste blog, se fosse o comum dos mortais era um criminoso, assim…

Quanto ao seguro, esclareço que as viaturas do estado não estão obrigadas ao seguro de responsabilidade civil, pois o Estado tem posses (€€) para indeminizar qualquer pessoa em caso de acidente. Claro que quem paga são sempre os mesmos, eu e todos vós que pagam impostos!

Haja coragem jornalistica para aceitar o desafio do leitor João manuel!!!!

João Manuel comentou:
03/12/2009 23:37

Uma vez mais, boa noite.
Ora vamos lá ver…
Este blog é publico e, tal como eu o descobri muitos tambem o descobriram!
Desses muitos, a noticia espalha-se e com toda a certeza que a classe jornalistica tambem deve dele ter conhecimento…!
Assim, e pelo que se pode entender este Pais, no que toca a jornalismo, temos gravissimos problemas horticolas!!!
Muitos nabos e falta de tomates!!!
.
Perdoem-me o tipo de linguagem mas, é o que vejo, leio e sinto que me leva a concluir desta nação!
Se houvesse coragem neste Pais, este acidente nem tinha existido pois tinhamos Politicos responsáveis e honestos!!!
…e vanham-nos agora dizer que minto!

Adicionar um comentário

Quer adicionar uma imagem pessoal ao seu comentário? Registe-se gratuitamente em Gravatar

Adicionar comentário

Copyright © 2005 - 2017 Gosto mais de Carros do que Chocolates. Alguns direitos reservados.
gostomaisdecarrosdoquechocolates.com - As opiniões, críticas e pensamentos de um "petrolhead"
Ao navegar neste site está a concordar com os termos legais e de privacidade.