A visualizar apenas posts da categoria Fifth Gear

GranTurismo is back…

Fifth Gear - Maserati GranTurismoSe me perguntarem qual o carro que escolhia para substituir o meu actual provavelmente o primeiro nome que me vem à cabeça é GranTurismo. Nunca fui grande fã da Maserati, embora o Ghibli II e o 3200 GT (o Coupé não, foi um passo atrás em relação ao 3200 GT) sempre me encheram o olho, curiosamente todos antecessores ao GranTurismo. Digamos que tenho uma coisa especial por grand tourers, mas daqueles a sério com carroçaria de coupé e disposição 2+2.

E porque é que estou a falar do GranTurismo? Bom, o Jason Plato fez um pequeno teste ao carro mas pessoalmente preferia ver um teste feito pelo Tom Ford porque o carro é um GT, é suposto ser confortável, silencioso e sem grandes compromissos em favor da performance, é um carro para fazer vários quilómetros a ritmos mais animados sem nos deixar a deitar sangue dos ouvidos com com a coluna no formato do circuito do Estoril. Assim tivemos o Plato a dizer que não encontrava nada que não gostasse no carro, que tinha um aspecto excepcional e que tinha todas as qualidades de um GT mas que o motor devia ser mais vivo, chegando a falar mesmo do BMW M3. Ora, o M3 foi feito para ser um desportivo, são conceitos diferentes, e em vez de se explorar realmente os trunfos deste carro todo o segmento passou focado unicamente no motor.

Maserati GranTurismo no Fifth Gear

Espero que o James May faça um teste a este carro no Top Gear, quando este voltar ao ar. De qualquer forma, como não tenho €170.000 para dar pelo carro com o nível de equipamento que quero lá me vou divertindo com o meu Coupé.

E em jeito de off-topic, como estamos a falar do Fifth Gear, neste episódio apareceu o lendário Lotus Carlton (Opel Lotus Omega) contra o Vauxhall VXR8.

O Fifth Gear já começou e eu esqueci-me completamente!

Fifth GearÉ verdade, parece que o Fifth Gear já voltou ao ar no passado dia 21 de Janeiro, mas tenho andando tão ocupado com o Mais Gasolina e com a Loja dos Alarmes que me esqueci completamente, e o programa já vai no segundo episódio!

À falta de Top Gear para ver o Fifth Gear sempre ajuda a tirar a barriga de misérias, mas realmente o programa já não é o que era, ao menos o Lovejoy não voltou.

Reparei que tentaram fazer muita coisa ao mesmo tempo, umas voltas em pista ao Exige, uma visita a um leilão com carros fantásticos, um comparativo demasiado curto entre o C-Crosser e o 2CV, uma vista de olhos num CLK e uma parte chata com uma celebridade a tentar fazer powerslides para cortar um pepino.

Bons tempos em que o John Bentley falava dos crash-tests, o Tom Ford fazia aqueles testes com os pés na terra que interessavam a todos nós… Era uma altura em que o Fifth Gear completava o Top Gear, agora tentam imitar este último à procura de audiências e a qualidade vai pelo cano abaixo.

Incrementador de octanas retira potência

Fifth Gear - Octane BoostersEu sempre vi com bons olhos a gasolina com um índice de octanas de 98 para os carros com uma compressão de 10.0:1 ou superior para evitar que o knock-sensor entre em acção e diminua o desempenho do motor para evitar a pré-detonação, e nestas realmente em certos carros consegue-se medir um aumento de potência.

Já os incrementadores de octanas nunca me disseram muito mas sempre pensei que fosse simples placebo nos motores com taxas de compressão mais baixas, afinal no Fifth Gear testaram alguns destes aditivos e a performance diminuiu em 2%! O motor provavelmente não era o mais adequado mas fazia mais sentido não existir qualquer diferença entre a gasolina normal ou com o aditivo misturado.

Parece-me a mim que com os combustíveis disponíveis não faz sentido usar estes produtos, afinal de contas mais octanas não são sinónimo de mais potência mas sim de mais resistência à pré-detonação.

Os carros velhos é que são seguros, os novos desfazem-se todos!

Fifth Gear - Modus vs 940 EstatePois é o Fifth Gear voltou, acabei por não fazer um resumo dos antigos episódios da 11ª temporada porque acho que era mais encher chouriços do que debater informação realmente interessante. A partir de agora, tanto no Fifth Gear como no Top Gear apenas irei escrever quando algo de interessante se passar.

E voltando ao Fifth Gear, no seu segundo episódio testaram o que era mais seguro, se um carro velho e grande ou se um pequeno utilitário recente. Antes de ver o resultado lembrei-me logo do velhote no seu 190D em contramão que foi contra um 206, a condutora do 206 estava ilesa e no local do acidente, o velhote faleceu com o impacto. Aquela ideia antiga que os carros rijos é que são bons está muito ultrapassada! Atenção, isto não é uma critica à Volvo que é uma marca da qual até sou fã pelas suas inovações a nível de segurança e ambiente, apenas critico aquela mentalidade que os carros velhos é que eram seguros porque num acidente ficavam inteiros.

Crashtest entre Modus e 940 Estate

Como podem ver nas frames acima o impacto foi violento, na segunda frame podem ver a deformação massiva que o Volvo sofreu enquanto que o Modus manteve-se intacto dissipando a energia pelo resto da carroçaria em vez de a centrar num ponto apenas. Na última frame é possível ver a intrusão dentro do habitáculo do Volvo que prendeu as pernas do condutor.

Temos que mudar esta mentalidade de velhos do restelo que os carros quando mais direitos ficarem melhor são, é precisamente o contrário! É preferivel que um carro se deforme e dissipe a energia pelo chassis e que exista pouca intrusão dentro do habitáculo, caso contrário a energia será canalizada para os passageiros e as forças G acabam por nos desfazer por dentro. Tenham isto em atenção quando forem comprar um carro usado, pensem na vossa segurança de forma activa.

Hot Hatch attack!

Fifth Gear - Hot HatchEste programa foi fraco, um pequeno teste a alguns hot hatches, ou melhor, entre o Volkswagen Golf GTI e o Ford Focus ST porque os outros foram logo eliminados de inicio sem perceber bem porquê, um pequeno segmento que mostrou um Rolls Royce Phantom modificado e ainda uma tentativa de atingir 200mph (322km/h) com um carro que corre no A1GP.

O resto foram apenas segmentos com “celebridades” a fazerem palhaçadas com motas.

De cabelos ao vento com duas modelos

Fifth Gear - Tiff com duas modelosO programa começou bem com o Tom a mostrar alguns gadgets do novo Lexus LS460, a maioria já se encontra disponível noutros carros e já apareceu em imensos protótipos, mas é sempre porreiro ver toda essa tecnologia passar à produção.

De seguida testaram o novo Smart para ver se era realmente confortável e mostraram alguns Smart F2 modificados. A Vicki voou ainda até França e conduziu um Citroën C3 pelas ruas de Paris para desmistificar o filme “C’ Était Un Rendezvous”, filmado por Claude LeLouche. Diz o mito que LeLouche montou uma camera com um giro-estabilizador no pára-choques de um Ferrari 275 GTB e pediu a um amigo, piloto de F1, que conduzisse em velocidades elevadas pelo coração de Paris. Quando o filme foi exibido LeLouche foi imediatamente preso. No entanto diz-se que LeLouche conduziu o seu Mercedes e colocou em estúdio o som de um 275 GTB por cima. Falaram ainda de alguns truques como ter a camara num ponto baixo do veículo para dar a sensação de velocidade.

No final o Tiff meteu duas modelos num Bentley e foi testar a teoria que quanto mais depressa se andasse menos vento iria entrar na área dos passageiros reduzindo o vento nos cabelos das modelos, mas tal não aconteceu.

2º episódio da 11ª temporada do Fifth Gear

Fifth Gear - Novo Mercedes classe CRealmente o Fifth Gear está no bom caminho, este episódio contou com um teste ao Alfa Romeo Spider feito pelo Tom, uma corrida entre uma mota e um Civic Type-R e um teste ao novo Mercedes C. Este teste agradou-me bastante pelo facto de mostrarem aqueles pequenos detalhes que, no meu caso, me fazem realmente comprar um carro, o resto (potência, velocidade máxima, acelerações dos 0 aos 100) apenas interessam a quem não os conduz.

No final ainda mostraram um D-Type que correu no Le Mans e para encher chouriços mais um episódio à lá James Bond com a Vicki armada em heroina.

Copyright © 2005 - 2017 Gosto mais de Carros do que Chocolates. Alguns direitos reservados.
gostomaisdecarrosdoquechocolates.com - As opiniões, críticas e pensamentos de um "petrolhead"
Ao navegar neste site está a concordar com os termos legais e de privacidade.