Daytime Running Lights (DRL) em toda a Europa

Daytime Running LightsAcabei de ler um artigo que diz que a Comissão Europeia quer adoptar o sistema Daytime Running Lights (DRL) a todos os países membros. Se a proposta for aprovada espera-se que se reduza a sinistralidade em cerca de 25.000 vidas perdidas. Embora esta medida seja adoptada de formas diferentes em 14 estados membros (em Portugal é obrigatório circular de médios no IP4 e IP5) a medida quer obrigar a que esta medida seja permanente.

Embora a mim não me faça grande diferença, pois já circulo de médios em AE e nacionais, assim como quando o sol está mais baixo (lusco-fusco) vai em parte obrigar a ligar os médios aqueles que nem os ligam de noite ou que andam de mínimos e faróis de nevoeiro. Felizmente os carros actuais com os sensores de iluminação já começam a resolver esta situação, embora tal se possa desligar.

A meu ver é uma óptima medida, no entanto já vi num fórum a opinião de vários “velhos do restelo” que dizem que as lampadas vão-se fundir, as ópticas ficam queimadas ou que a bateria vai à vida. Infelizmente a ignorancia reina nestes casos, especialmente ao dizer que a bateria vai à vida uma vez que a energia é fornecida pelo alternador.

É sempre bom ver medidas que tentam reduzir a sinistralidade de uma forma racional, em vez de colocar radares escondidos e carros à paisana a dar lucro ao estado em multas, fazendo da velocidade um bode espiatório para todos os acidentes na estrada.

Conduzir a enviar SMSMazda MX5Honda Civic Type-R

Comentários a “Daytime Running Lights (DRL) em toda a Europa”

Não existem comentários a este artigo.
Inicie a discussão, envie o seu comentário

Adicionar um comentário

Quer adicionar uma imagem pessoal ao seu comentário? Registe-se gratuitamente em Gravatar

Adicionar comentário

Copyright © 2005 - 2017 Gosto mais de Carros do que Chocolates. Alguns direitos reservados.
gostomaisdecarrosdoquechocolates.com - As opiniões, críticas e pensamentos de um "petrolhead"
Ao navegar neste site está a concordar com os termos legais e de privacidade.