Gasóleo profissional sim, mas com algumas condições

Autocarro da SCTP a hidrogénioFoi preciso alguém em Espanha abrir os olhos para que em Portugal se começasse a especular sobre o preço do gasóleo em Portugal poder subir para €1,50, parece que os jornalistas de meia tigela só descobriram agora que o gasóleo afinal até é mais caro ao sair da refinaria e o que o torna mais barato é o ISP! Sim, é verdade, o preço base da gasolina é de €0,548 contra €0,629 do gasóleo.

E com isto é anunciado o gasóleo profissional com um valor de isenção sobre o ISP de 8,1 cêntimos por litro com um limite máximo de 30 mil litros/ano por viatura, apenas para transportes rodoviários pesados de passageiros. Concordo com a medida mas sugeria algumas alterações para se acabar com o uso do gasóleo, nomeadamente um período de transição que obrigue as empresas a renovarem as suas frotas para viaturas que usem energias renováveis ou menos poluentes, podendo dar como exemplo a frota da STCP com várias viaturas a Gás Natural. Poderia ser promovido o uso do biogás ou fornecido um apoio do estado para que exista um investimento nas células de combustível e nos postos de abastecimento de hidrogénio, como já existiu através de fundos comunitários e com o apoio da BP e da Mercedes, curiosamente, a serviço da STCP.

Penso que este benefício apenas deveria ser alargado aos transportes pesados de mercadorias, o resto é propício a abusos tendo em conta a quantidade de viaturas comerciais a serem usadas como transporte pessoal. Aliás basta ver o abuso que é com o IVA e o gasóleo, uma vez que um Audi A8 4.2 TDI pode ser considerado um carro de trabalho e já um Toyota Aygo 1.0 é considerado um carro de turismo.

Quem não ficou satisfeito com esta medida foi o presidente da Antral que já ameaçou fazer uma paralização geral. Pois bem, alguém que faça medições de CO2, NOx e partículas suspensas nesse dia e compare com os restantes dias. Os taxistas têm tantos benefícios para renovar as suas frotas, no entanto continuam a bater na mesma tecla. Infelizmente estes não copiam o que se faz em Espanha e não se modernizam.

O governo com esta medida deixa de ter uma dor de cabeça com a questão dos passes-sociais e vai abrir caminho para poder mexer novamente no ISP, acabando com as pressões da UE para acabar com os benefícios fiscais no gasóleo rodoviário.

Alfa Romeo com sistema BRCMercedes-Benz CLS by ASMAPorsche na Praia

Comentários a “Gasóleo profissional sim, mas com algumas condições”

Daniel Marques comentou:
19/03/2008 00:26

Quando não se consegue fazer melhor, ao menos que se aplique os bons exemplos que se praticam noutros países.

Revoltado!!! comentou:
19/03/2008 14:16

O gasóleo ñ tem nada que aumentar pq eu já paguei mais impostos ao comprar o meu carro portanto devo ter o gasóleo mais barato, além disso o meu carro gasta menos portanto polui menos!!!

É UM ROUBO!!!

Eduardo Maio comentou:
19/03/2008 14:30

Eu também concordo que o gasóleo não deve aumentar, o ideal era baixarem a carga fiscal da gasolina para que fosse justo para todos, mas como isso é impossível.

Em relação aos impostos, se assim fosse então eu deveria ter a gasolina de graça? É que pelo imposto antigo um equivalente a gasóleo ao meu pagava €50 de selo e eu €127. A justiça social só apareceu agora por obra da Santa Engrácia? Felizmente agora os impostos estão nivelados e pagamos o mesmo.

Mas novamente, eu quando vou à bomba compro litros de combustível, não interessa se conduzo uma viatura A, B ou C. Os impostos devem ser aplicados directamente ao produto e não a pensar no que é que o utilizador vai gastar.

Em relação aos preços serem caros, na realidade os media têm muito a mania de dizer que Portugal é o país com a gasolina mais cara da Europa quando isso não é verdade. Assim de repente contei 9 países com a gasolina mais cara que a nossa e 15 países onde o gasóleo é mais caro que a gasolina.

A crise é mundial, existe um aumento da procura mas a produção não chega para todos, apenas produzimos 30% do gasóleo que consumimos, tendo que importar o resto, já a gasolina essa exportamos para os EUA.

Componente ambiental, um litro de gasóleo emite mais CO2, NOx e existe libertação de partículas.

Posto tudo isto, uma nivelação do imposto era inevitável e é bem provável que até ao fim do ano o gasóleo ande pelos €1.45 e a gasolina SC95 pelos €1.50.

Mauricio comentou:
20/04/2009 23:12

Ponham os carros a GPL ou façam pressão para em Portugal haver um parque automóvel a gás natural muito mais barato!!

Adicionar um comentário

Quer adicionar uma imagem pessoal ao seu comentário? Registe-se gratuitamente em Gravatar

Adicionar comentário

Copyright © 2005 - 2017 Gosto mais de Carros do que Chocolates. Alguns direitos reservados.
gostomaisdecarrosdoquechocolates.com - As opiniões, críticas e pensamentos de um "petrolhead"
Ao navegar neste site está a concordar com os termos legais e de privacidade.