Mais Gasolina: 2 anos depois

Site Mais GasolinaJá passou algum tempo desde que dei a conhecer ao mundo, de forma pública, o Mais Gasolina. Foi aqui no blog à coisa de 4 meses. Na altura nunca imaginei que pudesse existir tanto mediatismo em torno deste site, na realidade apesar de não o ter apresentado ao público já estava contente com o resultado, foi uma experiência enriquecedora como programador e tive a oportunidade de aprender ainda mais, criando problemas e resolvendo-os com recurso à lógica.

(…) a programar cerca de 16 horas por dia (…)
Foi o culminar de cerca de 3 meses e pouco de trabalho árduo, a programar cerca de 16 horas por dia, 7 dias por semana. A namorada, apesar da sua paciência estar a esgotar, sempre me apoiou neste projecto, alguns amigos mais chegados viram o projecto com bons olhos mas pensaram que estava a dar um passo maior que a perna e outros simplesmente acharam uma brilhante ideia e disponibilizaram-se a colaborar actualizando os postos da sua área.

Vi-me obrigado a adoptar novos métodos de trabalho e acabei por fazer do Mais Gasolina parte da minha vida à força. Tanto chateio a namorada quando vamos passear para tirar fotografias aos postos de abastecimento para tirar os preços, como chateio familiares e vizinhos para me fornecerem os talões dos seus abastecimentos para que possa tirar o preço por litro.

Artigo sobre o Mais Gasolina na revista Sexta(…) “O meu dever cívico foi cumprido” (…)
Gastei muito dinheiro com este projecto, seja no aluguer de um servidor, em campanhas de publicidade para divulgar o site e, até em combustível e portagens para retirar a localização de vários postos e os seus preços. No entanto nunca pedi dinheiro em troca nem nunca foi esse o meu objectivo. Infelizmente já li em alguns blogs “acusações” de que estou a ganhar dinheiro com isto, estou a ser pago pelas três principais petrolíferas nacionais ou que tenho publicidade agressiva no site. Fico triste com estas acusações, e mal sabem eles que o Mais Gasolina poderia dar €1000 líquidos de lucro mensais que não me pagavam o trabalho que tenho e que já tive. É certo que ninguém me apontou uma pistola à cabeça e me obrigou a fazer o site, mas estou a dedicar 100% do meu tempo a este projecto de forma ingrata, o meu objectivo é ajudar os portugueses a baixar as suas despesas com os combustíveis e poder chegar ao fim do dia e dizer “O meu dever cívico foi cumprido” e não o de enriquecer e fugir para os Emirados Árabes.

José Rodrigues dos Santos a navegar no Mais Gasolina(…) tenho uma ideia que gostava de apresentar ao Ministério da Economia (…)
Passados dois anos da ideia do Mais Gasolina, são em média 35.000 pessoas que visitam o site diariamente (embora este número continue a aumentar), mais de 900 postos de abastecimento na base de dados, 3500 utilizadores activos e uma média de 120 postos actualizados todos os dias. As ideias continuam a fervilhar na minha cabeça, inclusivé tenho uma ideia que gostava de apresentar ao Ministério da Economia que seria a pedrada final no charco e que iria acelerar o resultado que pretendo ter actualmente com o Mais Gasolina: estimular a concorrência.

Despeço-me assim com este texto longo em forma de desabafo, que pouca gente vai ler, e agradeço a todos os que têm colaborado com o site, quer na actualização quer na sua divulgação. Convido claro está a uma visita ao Mais Gasolina, e porque não um registo e uma participação activa? Afinal de contas, no final do dia podemos sempre ter aquela sensação de “O meu dever cívico foi cumprido”. Um abraço a todos e um beijo para aquela pessoa especial. ;)

Winter OlympicsFiltro de partículas DieselPosto Galp

Comentários a “Mais Gasolina: 2 anos depois”

Patrícia comentou:
26/05/2008 06:28

Fui uma das poucas pessoas que viu o projecto nascer e depois crescer e ter o sucesso que tem hoje.
Nunca te disse, mas tenho muito orgulho em ti e no trabalho que estás a desenvolver. :)

Não ligues ás más linguas, tu és muito superior a isso.
Se,entretanto, enrequiceres e pensares fugir para os Emirados Árabes tens q me levar contigo. ;)

Vou estar sempre aqui.. tu sabes..
Beijos lindinho

José Santana comentou:
26/05/2008 10:51

Longo ou não, eu li e relia sem qualquer tipo de problemas. :)

Já o mencionei, mais do que uma vez até, que vejo utilidade e agradeço enquanto consumidor pelo projecto.
Considero uma ideia inovadora, e apesar de todas as contrariedades a que já estamos habituados pela maioria dos portugueses, vocês têm conseguido dar a volta por cima e não baixaram os braços.

Eu contribuo e dou o meu exemplo vezes sem conta, por forma a cativar novos utilizadores.
Quantos mais, melhor.

Mais uma vez o digo: é de valorizar o esforço de abdicares do teu tempo, e o Daniel o dele, em prol da comunidade.

É um projecto de e para a comunidade.

O meu obrigado. :)

Fernando Soares comentou:
26/05/2008 14:14

Vi a sua reportagem na televisão e gostei muito das suas ideias.

Não encontrei o seu contacto, mas gostaria de lhe fazer umas perguntas pessoalmente para lhe apresentar uma proposta.

Rui Augusto comentou:
26/05/2008 15:34

Eu acho sempre piada as pessoas que “nos acusam” de querer ganhar dinheiro com um projecto. Que mal teria se o teu objectivo único fosse ganhar dinheiro? que eu saiba as petroliferas, a rtp, e os utilizadores em geral não gostam de perder dinheiro…

Por falar nisso tenho tentado encontrar-te online…se apareceres avisa.

Eduardo Maio comentou:
26/05/2008 15:45

Paty obrigado pela força e pelo apoio. Se não fosses tu hoje o site não estava online porque eu tinha abandonado o projecto.

José a tua colaboração tem sido preciosa, assim como a de outros utilizadores. Ao divulgarmos os preços correctos e colaborarmos estamos a garantir que o site funciona e que a comunidade pode beneficiar dele.

Fernando já lhe enviei um email sobre este assunto, obrigado pelo interesse no projecto.

Rui já deves saber tanto como eu que somos presos por ter cão e por não ter. Não vou dizer que não gostava de fazer dinheiro com o Mais Gasolina, isso era ser estúpido, mas não é essa a principal prioridade do site. Felizmente com a recente divulgação parece que as receitas na publicidade estão a aumentar e este mês não deve haver prejuizo, dizer que tenho lucro aqui é errado porque ainda faltam vários meses sem ter prejuizo para recuperar o dinheiro investido.

Eduardo Maio comentou:
26/05/2008 22:05

Já agora, para quem estiver interessado nos vídeos, fiz upload dos mesmos para o Youtube, aqui a reportagem no Jornal da Tarde do dia 21 de Maio e aqui a reportagem do Telejornal de dia 25 de Maio. Na SIC, também no dia 25 apareceu um pequeno segmento com dados do Mais Gasolina, o vídeo também está no Youtube.

Por enquanto não disponho da entrevista com o Daniel Catalão na RTPN.

Rui Augusto comentou:
26/05/2008 22:10

pois era sobre publicidade que te queria falar…

Madeira comentou:
27/05/2008 00:00

Eduardo, antes de mais quero-te dar os meus parabéns pelo fantástico projecto que idealizaste e que acabaste por pôr em prática.
Depois quero-te dizer, que se há projecto que merece ser remunerado é este. O teu esforço e o do Daniel para manter este projecto são de facto ímpares. Aliás, parece mal que um serviço desta natureza – em prol da comunidade – seja apenas suportado por vocês os dois.
São iniviativas destas que podem ter influência no mercado, e este projecto mexe com um grande cartel da nossa economia. Por isso só se tem a ganhar.
Continua o bom trabalho.
Eu cá vou actualizando os postos que posso.

Adicionar um comentário

Quer adicionar uma imagem pessoal ao seu comentário? Registe-se gratuitamente em Gravatar

Adicionar comentário

Copyright © 2005 - 2017 Gosto mais de Carros do que Chocolates. Alguns direitos reservados.
gostomaisdecarrosdoquechocolates.com - As opiniões, críticas e pensamentos de um "petrolhead"
Ao navegar neste site está a concordar com os termos legais e de privacidade.