Não, a gasolina e o gasóleo não vão acabar

Publicado a por Eduardo

Os jornais e outras publicações online estão carregadas de artigos mal traduzidos por pessoas que não fazem ideia sobre o que estão a escrever. Isto é um facto.

O problema é quando essas mesmas publicações escrevem algo por dedução, sem confirmar factos, e o pior ainda é que outras publicações vão atrás. No Motor24 criaram o artigo com o título Despeça-se da gasolina 95, 98 ou Diesel: É assim que vai identificar o combustível do carro para falar da norma NP EN 16942:2017.

O artigo em nada explica para que serve a directiva, apenas indica que os carros vão passar a ter um autocolante com o combustível que podem ter e o mesmo nas bombas. Claro, lançou a confusão com pessoas que sempre meteram gasóleo ou gasolina 95 sem saber afinal que combustível iam colocar.

Bastava à pessoa que escreveu o artigo pesquisar um pouco para perceber que nada muda. A gasolina 95 vai continuar a chamar-se gasolina 95, a mesma coisa para a 98 e para o gasóleo. É que, espantem-se, em Portugal já há bastantes anos que andamos a abastecer os carros com combustível misturado com biocombustíveis. A gasolina 95 tem 5% de etanol e o gasóleo passou a ter 7% de biodiesel.

Nalguns postos essa informação está presente dentro das lojas de conveniência, outros têm nos sites das marcas a constituição do combustível com essa percentagem indicada. Nada de novo.

Bombas com gasolina E10

Portanto, não muda nada, só passamos a ter mais uns autocolantes nas bombas a indicar o tipo de combustível até Outubro deste ano.

Esta directiva europeia faz sentido porque noutros países europeus que não Portugal vende-se E85 e E100, ou seja, gasolina com 85% de etanol ou etanol apenas. O problema é que algumas mentes brilhantes do marketing decidem criar o combustível SuperEtaXpto e ficamos sem saber se é E5, E10, E85 ou E100. Outras petrolíferas com pessoas mais capacitadas colocam essa designação juntamente com o produto, por exemplo SuperPowerForce E85 Cenas.

Assim o consumidor passa a saber o que está a colocar no depósito e não mete E10 a pensar que está a meter E85.

Mas o manual do meu carro diz para não por biocombustíveis!

Os carros que dizem isso não podem circular com E85, E100 e B100. Esse aviso refere-se apenas a uma incorporação de biocombustíveis elevada.

E não, o carro não vai avariar por causa do biodiesel ou do etanol. O único problema comprovado que o etanol causa é ressequir borrachas de tubos do combustível que não estão preparados para tal, em carros antigos (mais de 20 anos). Mas isto acontece apenas com E10 ou superior, e provavelmente dependendo de onde abastecem, se usam gasolina 98 já estão a colocar E10 há vários anos.

Preciso de ter um autocolante destes no meu carro?

Não, não é necessário. Apenas os carros novos passam a vir com estes autocolantes na tampa do depósito para indicar os combustíveis para que estão preparados.

Artigos relacionados

Qual é afinal o futuro do gasóleo?
Qual é afinal o futuro do gasóleo?
Afinal qual é o futuro do gasóleo? Ainda vamos ter muitos anos de carros com este combustível ou vai ser delegado apenas a camiões e máquinas agrícolas?
Os prós e contras do GPL após 17.000km
Os prós e contras do GPL após 17.000km
Percorridos 17.000km desde a instalação venho falar dos prós e contras do GPL, pelo menos no meu ponto de vista. Apenas para...
É proibido vender carros a gasolina?
É proibido vender carros a gasolina?
O mercado dos usados está inundado de carros a gasóleo. Comprar um usado a gasolina com alguma performance e equipamento parece ser uma missão impossível.

Comentários

João Gaspar
João Gaspar
06/02/2019 12:24
Vou comprar um alfa romeo mito turbo distintivo tem um motor muito rotativo qual a melhor gasolina?
Eduardo
06/02/2019 21:51
João se nada indicar em contrário no manual, qualquer SC95 pode ser utilizada.
Luis Amaro
Luis Amaro
10/02/2019 21:14
Boas, alguém me sabe dizer se em Portugal e em Espanha se vende gasolina E85 como na França em Bombas normais?
Cumprimentos
Eduardo
11/02/2019 22:29
Luis Amaro em Portugal não encontra E85. Em Badajoz e Madrid existiam bombas E85, mas foram as únicas que encontrei.

Adicionar comentário

Obrigado, o seu comentário encontra-se a aguardar aprovação. Receberá um email quando este for publicado
Existem erros no formulário, por favor reveja os campos assinalados.
O seu email apenas é usado para controlo de Spam e apresentar a sua imagem personalizada através do serviço Gravatar