Mudar o óleo: aspiração ou gravidade?

Mudança de óleoExistem duas formas de mudar o óleo do motor a um carro. O tradicional é através do efeito da gravidade, em que se levanta a viatura, desaperta-se o bujão do carter e deixa-se o óleo escorrer. Podemos também mudar o óleo por aspiração, com um extractor.

Ainda existem pessoas reticentes em relação à muda do óleo por aspiração, mas na realidade o método usado depende muito do motor. Existem automóveis que apenas permitem mudar o óleo por aspiração e outros que por gravidade escorrem menos óleo velho do que por aspiração.

Mudança do óleo por gravidade

Este é o método tradicional e funciona em todos os carros que tenham bujão do carter. O carro é levantado num elevador ou com um macaco, é colocado um recipiente por baixo do carro, retira-se o bujão e deixa-se o óleo a escorrer.

No fim limpa-se o carter por baixo, coloca-se uma anilha nova e aperta-se o bujão com a força especificada pelo fabricante para evitar moer a rosca.

Em carros mais antigos que não estão preparados para uma muda de óleo por aspiração este é o método ideal. É no entanto mais sujo uma vez que ao retirar o bujão o óleo começa a escorrer sujando as luvas ou a ferramenta que estamos a usar. É também preciso sempre levantar o carro para mudar o óleo desta forma.

Mudança do óleo por aspiração

Este é um novo método de mudança de óleo do motor. Alguns carros, como os Smart e alguns Mercedes apenas permitem mudar o óleo desta forma por não terem bujão no carter que permita remover o óleo velho. Outros motores, caso do 3.0i e 2.7 HDi que equipa o meu C6, ao mudar o óleo por gravidade apenas saem 5,55 litros de óleo, enquanto que por aspiração saem 5,75 litros de óleo.

Apesar de parecer pouca diferença, é menos óleo antigo que fica a contaminar o novo óleo que é colocado no motor.

Este é o método mais fácil de mudar o óleo, basta colocar um tubo por onde entra a vareta do óleo e fazer a aspiração do óleo antigo. É um método mais limpo uma vez que apenas o tubo fica sujo no exterior e é facilmente limpo ao remover com um pano. Permite ainda aspirar o óleo que fique no local do filtro do óleo, assim como o copo do filtro (caso este exista) e remover ainda mais óleo antigo do motor.

Este método não pode no entanto ser usado em carros mais antigos que não estão preparados para que o óleo seja aspirado.

E vocês, qual o método que usam para mudar o óleo do motor do vosso carro, qual o vosso preferido?

O preço médio dos combustíveis desceu em 2013

Preços de combustíveisO preço dos combustíveis vai subindo e descendo e os consumidores por vezes não percebem a dimensão real dos aumentos e da descida dos preços.

Nos alertas dos preços dos combustíveis do Mais Gasolina existe essa informação semanalmente indicando quanto sobe e desce a gasolina e o gasóleo. Estão também disponíveis as estatísticas com o preço médio de cada combustível.

No entanto como conseguimos realmente saber quanto aumenta por ano o combustível? Uma das formas é calcular a média anual e comparar com outros anos. Baseado nos preços médios semanais do Mais Gasolina fiz uma tabela comparativa de 2008 a 2013.

 

200820092010201120122013
Sem Chumbo 95€1.381€1.240€1.394€1.575€1.674€1.621
Gasóleo€1.251€1.006€1.166€1.406€1.485€1.424

 

Em 2009 o preço desceu consideravelmente com o crash da bolsa de 2008-2009, nos restantes anos a subida tem sido considerável. De 2008 a 2012 o preço médio da gasolina aumentou 29 cêntimos e do gasóleo 23 cêntimos. Se tivermos um carro a gasolina que faça 8 l/100km e 20.000km por ano estamos a falar de um aumento anual de 557 Eur em custos com combustível.

Em 2013 tivemos uma inversão. O consumo de combustíveis continua em queda, existem menos carros na estrada e os que circulam reduziram a sua velocidade média. Isto ajuda a baixar os preços, mesmo com os conflitos verificados no médio-oriente.

Este ano ainda é incerto se os preços vão subir ou descer. Comparando com os valores médios da semana passada o preço da gasolina está 5 cent/litro mais baixo que a média de 2013, já o gasóleo está 4 cent/litro mais baixo.

Top Gear começa a 21ª temporada

Temporada 21 do Top GearComeçou hoje a 21ª temporada do Top Gear com um desafio semelhante aos efectuados regularmente, desta vez com os hot hatches dos anos 80.

Não sei o que foi melhor, se a música, se o uso de um Nokia 5110 (que não é dos anos 80) para receber SMS com as várias provas.

A apresentação da temporada parece ter alguns testes interessantes, principalmente ao McLaren P1, já no próximo episódio.

Os Ciclistas e o novo Código da Estrada

Ciclistas na cidadeO novo Código da Estrada veio trazer novos direitos e deveres aos ciclistas, mas parece que pouco mudou nas atitudes de quem usa a bicicleta na cidade.

Além de condutor sou também peão e já tive problemas com senhores (e senhoras) de bicicleta que teimam em circular pelo passeio e pelas passadeiras sem grandes cuidados. Apesar do novo código indicar que é proibida a circulação de bicicleta em passeios e passadeiras continuo a ver este comportamento.

Só hoje vi finalmente um Ciclista fora da bicicleta à espera que o sinal dos peões abrisse e passou com a bicicleta à mão na passadeira.

E falando em sinais, continuo a ver em Lisboa ciclistas a passarem vermelhos e a mudarem de faixa sem sinalizarem, um deles ia tendo um encontro com uma mota mas o motociclista teve bons reflexos.

E aqui levanta-se uma situação. Se eu ou outro condutor passar um vermelho ou tiver um acidente posso facilmente ser identificado pela minha matricula. A mesma coisa com as motos. E no caso de uma bicicleta? Se uma bicicleta me bater e fugir, ou no caso com a mota se o motociclista não tivesse evitado o acidente e o ciclista fugisse, como era identificado?

Tendo em conta que pouco mudou, excepto passarem a andar de bicicleta lado a lado, não seria ideal precaver este tipo de situações e obrigar a ter um seguro de responsabilidade civil e uma chapa identificativa na bicicleta para circular na via pública?

Mais Gasolina renovado

Mais Gasolina em 2013O Mais Gasolina foi finalmente renovado, estando agora de cara lavada e com um aspecto que já pertence à década actual.

O site com os preços dos combustíveis foi refeito de raiz o que permitiu criar um site mais rápido e virado para as necessidades dos utilizadores e consumidores de combustíveis.

A página inicial passou a ter a informação essencial que os utilizadores mais procuravam e foram feitas melhorias e adicionadas novas funcionalidades.

Postos mais baratos perto do utilizador

Agora na página inicial passam a ser apresentados os postos mais baratos num raio definido, obtendo a localização actual do utilizador fornecida pelo seu operador de acesso à Internet.

Pesquisa melhorada

Procure pelo nome do posto ou por um local e obtenha sugestões sobre os termos mais pesquisados para o auxiliar a encontrar o seu posto mais depressa.

Nova área de utilizador

Os utilizadores do Mais Gasolina são a base do site, com mais de 1800 postos actualizados semanalmente pela comunidade, é necessário que a área de utilizador seja simples de usar e vá de acordo com as necessidades dos utilizadores.

Existem muitas mais novidades no site, convido-os a visitar e a descobrir o que existe de novo no Mais Gasolina.

Van Damme faz espargata num anúncio da Volvo

O Jean-Claude Van Damme é conhecido pelas suas famosas espargatas, mas esta é sem dúvida a melhor de todas, apoiado nos espelhos de dois Volvo FM que se afastam lentamente em marcha atrás.

O anúncio serviu para demonstrar a precisão e a estabilidade do Volvo Dynamic Steering, mas acabou por vir tirar o lugar ao Chuck Norris na sua reputação na Internet.

A banda sonora também é boa, Enya – Only Time. Aconselho a ver em fullscreen a 1080p.

Como detectar um mau condutor

Mau condutorInfelizmente quem anda na estrada nem sempre é um bom condutor. Seja por falta de prática, um mau ensino, não ter aptidão para conduzir ou conduzir distraído.

Com o tempo fui aprendendo a detectar maus condutores e a praticar uma condução mais cautelosa perto destes, percebendo por vezes que estes querem mudar de faixa ainda antes dos próprios saberem :lol:

Aqui ficam algumas dicas para detectar maus condutores, e se te enquadras num destes pontos então tenho más noticias!

Espelhos tortos ou recolhidos

Infelizmente é comum, principalmente entre as senhoras, circular com o espelho interior torto ou com os espelhos exteriores recolhidos. Um condutor que não liga aos espelhos é um mau condutor, não tem noção do que se passa à sua volta e apenas vê com clareza para a frente.

Se um espelho estiver recolhido como mudam de faixa com segurança? E se o espelho vai torto, será que conseguem perceber o que se passa atrás? Normalmente estes condutores não dão muito uso aos espelhos.

Mãos no sitio errado no volante

A maioria dos volantes nos carros recentes tem um sitio onde devem ficar os polegares. Se imaginarmos o volante como um relógio a posição correcta é perto das 9 e das 3, nunca mais em cima ou no topo só com uma mão.

Se for necessária uma manobra rápida ao ter as mãos no sitio errado não vamos ter uma liberdade de movimentos adequada para virar rapidamente o volante. Quem conduz desta forma tem também o braço à frente do volante e não de lado, o que em caso de embate com o airbag a disparar poderá partir ou amputar os braços.

Má postura ao volante

Esta é mais comum com os jovens condutores, mais o típico boy racer. Seja com o banco totalmente baixo e com as costas todas recolhidas ou a conduzir inclinado para a direita com a cabeça no meio do carro.

Esta última então vai dar ao mesmo efeito que não ter espelhos, com a cabeça no meio do carro não devem ver nada por lá. Em caso de acidente esta má postura ao volante também é critica, o cinto de segurança pode não fazer o seu trabalho e os airbags não abrem a meio do tablier.

Luzes apagadas ou de mínimos

As DRL e os sensores de luz vieram atenuar este problema, mas continuamos a ter condutores com luzes fundidas e ópticas totalmente apagadas e não dão por isso. Com as chuvas destes últimos dias ia tendo uma situação chata em que um condutor num carro preto e já de noite vinha sem luzes, só o vi quando já estava bem perto de mim. Quando fiz sinal para ligar as luzes ficou a olhar para mim como se eu fosse de outro planeta.

Fazer outras coisas que não conduzir

Usar o telemóvel, comer, ler o jornal, maquilhar-se ou fazer a barba. Existem pessoas que atrás de um volante fazem tudo menos conduzir e vão completamente abstraídos do que se passa à sua volta.

Estes são o pior tipo de mau condutor, pode passar um camião em chamas ao seu lado que não devem dar por isso.

 

E tu és um mau condutor ou conheces outros exemplos de maus condutores? Partilha nos comentários!

Copyright © 2005 - 2017 Gosto mais de Carros do que Chocolates. Alguns direitos reservados.
gostomaisdecarrosdoquechocolates.com - As opiniões, críticas e pensamentos de um "petrolhead"
Ao navegar neste site está a concordar com os termos legais e de privacidade.